- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
InícioCEARÁMapa da Saúde: plataforma desenvolvida pela ESP/CE auxilia na execução do “Cuidar...

Mapa da Saúde: plataforma desenvolvida pela ESP/CE auxilia na execução do “Cuidar Melhor”

Elon Nepomuceno – Ascom ESP/CE – Texto e foto

Na ferramenta, é possível encontrar e inserir informações sobre profissionais, eventos, espaços, além de indicadores e inscrições em diferentes oportunidades na área da Saúde

A Saúde do Ceará tem desenvolvido e implantado soluções cada vez mais inovadoras, a fim de aprimorar processos e fortalecer a cultura de uma gestão ágil na rede pública. Nesse contexto, a Escola de Saúde Pública do Ceará Paulo Marcelo Martins Rodrigues (ESP/CE), por meio de seu Laboratório de Inovação (Felicilab), surge como importante colaboradora.

Ao longo dos últimos meses, a autarquia desenhou uma trajetória com diversas contribuições para a área, como o aplicativo iSUS. Criada em meio à pandemia de Covid-19, a ferramenta atua como um cinto de utilidades e apoia profissionais e gestores do Sistema Único de Saúde (SUS) em seus fluxos de trabalho. Tudo de forma prática e automatizada.

Agora, com o lançamento e início do prazo de adesão ao Programa Cuidar Melhor, a ESP/CE partilha mais uma solução para o serviço público: o Mapa da Saúde.

A plataforma foi escolhida para receber as inscrições dos gestores municipais interessados em fazer parte da iniciativa estadual. Também pelo mecanismo, é possível se inscrever no Concurso Município Inovador.

Para quem já realizou o cadastro no iSUS, os dados de login e senha serão os mesmos a serem utilizados no Mapa da Saúde. Isso porque o cadastro no sistema, assim como no iSUS, é gerenciado pelo ID Saúde, uma solução de acesso único que integra as ferramentas desenvolvidas pelo laboratório.

Mapa

Desenvolvido a partir da customização de um software utilizado pela Secretaria da Cultura do Ceará (Secult) desde 2015, o Mapa da Saúde busca estruturar uma política digital de relacionamento e gestão de informações, integrando dados de diferentes sistemas e serviços, além de oferecer à população e aos governos um instrumento de apoio, avaliação e qualificação da força de trabalho do SUS.

“O Mapa da Saúde dá uma visibilidade mais integrada à rede de saúde, em todos os seus níveis – municipal, estadual e nacional –, por meio da entrega de informações antes disponíveis apenas no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES). E essa visibilidade tem se tornado essencial para identificar, organizar e, assim, conseguir qualificar melhor nossos profissionais de saúde”, destaca o assessor especial de inovação da ESP/CE, Uirá Porã.

Com a plataforma, é possível também encontrar e inserir informações sobre pessoas (trabalhadoras e gestoras), eventos (oficiais e comunitários), espaços (públicos e privados), além de indicadores e inscrições em diferentes oportunidades na área da Saúde no Ceará.

O produto digital é aprimorado constantemente, levando em consideração os princípios do Design Thinking (design com foco nas pessoas), tais como responsividade e usabilidade, uma vez que o participante pode usá-lo por meio de seus dispositivos móveis (smartphones, tablets, etc).

Cuidar Melhor

Lançado em janeiro de 2021, o Cuidar Melhor é uma iniciativa pioneira no Brasil com o propósito de estabelecer um pacto de cooperação entre Estado, municípios e sociedade visando à melhoria dos resultados em saúde. O programa também pretende avançar no enfrentamento dos problemas que mais causam adoecimento e óbito na população cearense, reduzindo a Mortalidade Infantil, Mortalidade por Acidente Vascular Cerebral (AVC) e por Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), e Mortalidade por Acidentes de Trânsito envolvendo Motocicletas.

Concurso Município Inovador

É uma iniciativa de estímulo às boas práticas de inovação em saúde, que tem por objetivos: incentivar a implantação e implementação de inovações na melhoria da qualidade dos serviços públicos de saúde prestados aos cidadãos nos municípios cearenses, assim como a produção de resultados positivos e eficientes para o serviço público; promover o reconhecimento e a valorização das ações de atenção integral à saúde em benefício da comunidade; disseminar soluções inovadoras que inspirem ou sirvam de referência para outras iniciativas, colaborando para o fortalecimento da capacidade da saúde municipal e dos princípios democráticos. As inscrições seguem até o dia 22 de dezembro.

Fonte: Governo do Estado do Ceará

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
MAIS LIDAS DA SEMANA