RIO GRANDE DO SUL

IPE Saúde realiza quase 14,6 milhões de atendimentos em 2020

Published

on


Ao longo de 2020, o IPE Saúde prestou 14.598.991 atendimentos. A maior parte, cerca de 11 milhões, correspondeu a serviços complementares (exames diagnósticos e laboratoriais). As consultas médicas somaram 2.442.691 – entre as quais, 24 mil foram na modalidade de teleconsulta, solução implementada durante a pandemia do coronavírus, com foco em garantir a assistência aos segurados e a prestação de serviços dos profissionais de saúde à distância. De caráter excepcional e temporário, a medida possibilita consulta por meio digitais sem cobrança de coparticipação para o segurado.

Em relação à assistência, os pagamentos realizados pela autarquia superaram o montante de R$ 2,3 bilhões no ano. As internações hospitalares, embora correspondam a menos de 1% dos atendimentos (129.089), representam quase metade do valor (R$ 1,163 milhão).

Cerca de 10% da população do Estado é atendida pela autarquia. O IPE Saúde encerrou 2020 com 1.002.288 segurados ativos. Além disso, há 9.493 prestadores credenciados, entre médicos, laboratórios, clínicas, hospitais, pronto socorros e outros.

Acessos ao site

O site do IPE Saúde (www.ipesaude.rs.gov.br), lançado em janeiro de 2020, completou seu primeiro ano com cerca de 18,5 milhões de acessos no total. A página inicial da instituição foi o principal destino dos usuários, correspondendo a 3 milhões das visitas.

Leia Também:  Governo e Federação Gaúcha de Futebol iniciam planejamento de segurança para retomada do Gauchão

Na sequência, a página de serviços, de login dos segurados, foi a mais procurada, com cerca de 2 milhões de acessos.

Atualmente, o site é o principal canal de atendimento aos usuários: todos os serviços da instituição estão disponíveis de forma on-line, através do atendimento digital.

O site também dá suporte à Central de Regulação de Autorizações e ao Acesso Administrativo dos prestadores, entre outras informações e serviços.

Texto: Raquel Schneider/Ascom IPE Saúde
Edição: Secom

Fonte: Governo RS

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

MAIS LIDAS DA SEMANA