- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
InícioRIO GRANDE DO NORTESeap realiza operação em presídios da Grande Natal

Seap realiza operação em presídios da Grande Natal


ASSECOM/RN-SEAP
O efetivo extra da Polícia Penal fiscalizou os internos e as celas

A Secretaria da Administração Penitenciária (Seap) deu início nesta quinta-feira, dia 31, a “Operação Saturação” em oito unidades na Grande Natal. O efetivo extra dos grupos especiais da Polícia Penal fiscalizou os internos e a estrutura das celas e, no lado externo, realizou patrulhamento ostensivo com o objetivo de inibir ações criminosas. A investida terá continuidade intramuros com os efetivos de plantão e de pronto emprego de cada estabelecimento prisional. 

Para o secretário da Administração Penitenciária, Pedro Florêncio, a implantação da ordem, do controle e da segurança no sistema prisional é um trabalho diário. “Hoje, no último dia do ano, não poderia ser diferente. Estamos com nossos grupos especiais realizando patrulhamento e revista nas unidades prisionais. Desta forma, com o sistema prisional sob controle, nós contribuímos diretamente para a segurança pública e a paz social”, disse. Nenhum material ilícito foi localizado, confirmando a eficiência do trabalho diário dos policiais penais de cada unidade fiscalizada.

A operação tem a coordenação do Departamento de Operações Táticas (DOT), sob comando do policial Leonardo Alves, e contou com a participação do Grupo de Operações Especiais (GOE) e Grupo Penitenciário de Operações com Cães (GPOC). “Planejamos e desenvolvemos uma ação minuciosa com os grupos especiais para reforçar a segurança interna e externa dos presídios nesse períido de final de ano”, disse. Os policiais penais agiram na Penitenciária Estadual de Alcaçuz e na Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, ambas em Nísia Floresta; no Centro de Detenção Provisório Feminino, em Emaús; na Cadeia Pública de Ceará-Mirim; na Penitenciária Estadual de Parnamirim; no Centro de Recebimento e Triagem de Parnamirim; na Cadeia Pública de Natal e no Complexo João Chaves. 

Além da revista pessoal, os policiais penais verificaram a integridade física de paredes, grades e cadeados, além da área circunvizinha aos presídios, afim de evitar fugas. O comandante do GOE, policial Marcelo Henrique, enfatizou que o efetivo extra ajuda na complementação à rotina de segurança realiza nos presídios. “Os grupos operacionais da Seap realizaram a operação com rondas em todos os pavilhões das unidades da Grande Natal”, disse. O sistema prisional do RN tem 10.700 presos. 

Fonte: Governo RN

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
MAIS LIDAS DA SEMANA