- PUBLICIDADE -
InícioMaranhãoLaticínio de Bacabal recebe certificado do Serviço de Inspeção Estadual

Laticínio de Bacabal recebe certificado do Serviço de Inspeção Estadual

Entrega do certificado de registro no Serviço de Inspeção Estadual. (Foto: João Rabelo)

A Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED/MA) conferiu, na manhã desta segunda-feira (27), o título de registro no Serviço de Inspeção Estadual (SIE) a um laticínio de Bacabal.

O empreendimento tem capacidade para processar 2 mil litros de leite por dia e é o primeiro da região no Médio Mearim a captar, ou seja, adquirir a produção de leite dos agricultores familiares, gerando mais emprego e renda para os produtores. A entrega do SIE ao laticínio permite a abertura de mercado, que ajudará a expandir a comercialização dos produtos por todo o Maranhão.

A atual gestão da AGED tem ampliado o número de estabelecimentos com registro no SIE, que nos últimos três anos aumentou em 57,14% o número de registros de estabelecimentos no Serviço de Inspeção Estadual, incluindo empreendimentos da agroindústria familiar. Isto representa que o alimento de origem animal produzido no Estado chega até à mesa do consumidor com qualidade e inocuidade. Foram 21 estabelecimentos registrados.

“A entrega desse registro é motivo de muita satisfação para a equipe da AGED. A expectativa é que novos empreendimentos sejam registrados [no estado], gerando mais desenvolvimento para suas regiões e ofertando alimentos seguros e de qualidade para toda a população maranhense”, analisou Clidilene Alencar, coordenadora de Inspeção Animal da AGED.

Emanuel Silva de Sousa, sócio proprietário do laticínio Nobr’s, disse que o empreendimento vai movimentar a economia local com a entrega de produtos de qualidade. “Vamos trabalhar dentro dos padrões exigidos, entregando um produto com qualidade para nossos clientes”, pontuou.

O também sócio proprietário do laticínio, Fábio dos Santos Sousa, contou que, antes de iniciarem, eles pesquisaram muito sobre o negócio, uma vez que há uma enorme produção de leite na região. “Nossa perspectiva, a partir desse registro, é crescer mais, entregando um produto de qualidade e assim captar mais produtores de leite e crescer, empregando mais gente e colaborando com o desenvolvimento da nossa região”, comentou.

< href="https://www.ma.gov.br/agenciadenoticias/?p=320559">

Fonte: Agência de Notícias do Maranhão

Últimas Notícias

MAIS LIDAS DA SEMANA