- PUBLICIDADE -

Amapá

Setembro Amarelo: Prefeitura reforça ações de saúde mental nas escolas do município

Publicados

em

A saúde mental é uma preocupação constante da Prefeitura de Macapá para a promoção do bem-estar dentro das instituições de ensino do município. Por este motivo, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) desenvolve ações que buscam combater diversas situações capazes de desencadear desequilíbrio emocional e transtornos mentais. O foco são os estudantes e seus responsáveis, bem como os profissionais da Educação das 104 unidades educacionais espalhadas pela cidade.

Com a flexibilização dos protocolos de biossegurança para o combate da Covid-19, somada à campanha de conscientização do Setembro Amarelo, as escolas estão sendo incentivadas a inserirem em suas agendas palestras e rodas de conversa que abordem temas de valorização da vida e saúde mental.

“A mudança repentina na maneira em que professores, alunos e pais se relacionaram durante o período da pandemia favoreceu o aparecimento de ansiedade, depressão, entre outros problemas de caráter emocional. A base da prevenção é a informação, por isso essas ações são tão importantes para uma cultura de valorização da vida dentro do espaço escolar”, frisou o secretário municipal de Educação, Edielson Silva.

Leia Também:  Macapatur desbrava nova rota turística de Stand Up Padlle nas comunidades de Santa Luzia e São Joaquim do Pacuí

Parcerias
Para manter um ciclo de cuidado mental completo, a Semed firmou parcerias com outras entidades. Os servidores da Educação que desejarem ter um acompanhamento psicológico individualizado só precisam demonstrar o interesse para Divisão da Saúde do Educando (Dise). O servidor poderá ser encaminhado para as equipes de um dos parceiros: Instituto de Prevenção do Câncer Joel Magalhães (Ijoma), Capuchinhos, Faculdade de Macapá (Fama) e Universidade Federal do Amapá (Unifap).

Temáticas abordadas
As ações terão continuidade mesmo após o término da campanha Setembro Amarelo, mantendo um cuidado permanente dentro do universo escolar. Até o momento mais de 300 profissionais da Educação já participaram das palestras e rodas de conversa. Os gestores escolares que tiverem interesse em realizar a atividade nas suas escolas podem agendar a ação diretamente com a Dise.

Os temas podem ser escolhidos pelo diretor da escola, de acordo com a necessidade identificada na rotina escolar e o público-alvo. São eles:

  • Saúde Emocional com foco na Valorização da Vida;
  • Saúde Emocional com foco no Autoconhecimento e Ressignificação;
  • Saúde Emocional – Como usá-la ao seu favor;
  • Saúde Emocional – Inter-relações e Compromissos no Ambiente de Trabalho;
  • Cultura da Paz na Escola;
  • Conflitos na Adolescência – Pais x Alunos x Professores;
  • Álcool e Drogas: O ‘barato’ e suas consequências;
  • Primeiros Socorros Infantil;
  • Sexualidade Saudável;
  • Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs);
  • Imunização em Tempos de Doenças Emergentes;
  • Atualização em Covid-19 e suas sequelas;
Leia Também:  Vacinação contra a Covid -19 atende adolescentes com comorbidades, público geral e gestantes acima de 18 anos nesta sexta-feira (20)

Fonte: Prefeitura Municipal de Macapá

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo
Propaganda
- PUBLICIDADE -

MAIS LIDAS DA SEMANA